Iniciativas da U.S. Travel no turismo

Iniciativas da U.S. Travel Association no turismo

Geoff Freeman, presidente e CEO da U.S. Travel Association

A missão da U.S. Travel é aumentar as viagens para os Estados Unidos

Iniciativas da U.S. Travel no turismoIniciativas da U.S. Travel no turismo se posiciona a respeito de vistos para os EUA.

A U.S. Travel Association fez um levantamento de iniciativas lideradas em prol do turismo.
Geoff Freeman, presidente e CEO da U.S. Travel Association, apresentou uma atualização sobre os esforços mais recentes da entidade para promover os interesses da indústria de viagens.
1. A U.S. Travel continua a debater a questão dos vistos em duas frentes – viajantes e trabalhadores:
Vistos de visitante: A Lei de Redução do Tempo de Espera de Visto de Visitante recentemente introduzida (H.R. 9141) orienta o Departamento de Estado dos EUA a endereçar tempos de espera de mais de 400 dias para entrevistas para visitantes em potencial. A U.S. Travel apoia fortemente a legislação, continua buscando todas as oportunidades para aumentar o nível de discussão sobre esse assunto na mídia e em breve lançará a campanha de comunicação #TheyWaitWeLose (eles esperam, nós perdemos, em tradução livre). Esta mensagem recebe atenção adicional quando ecoada por outros executivos, como o CEO da American Airlines, Robert Isom, fez na recente teleconferência de resultados trimestrais.
Vistos de Trabalhadores: O Departamento de Segurança Interna anunciou que disponibilizará mais 65.000 vistos temporários de trabalhadores não agrícolas H-2B para o ano fiscal 2023 – o maior aumento de visto suplementar de todos os tempos. Isso ajudará a indústria de viagens antes da alta temporada do próximo ano, mas não é suficiente. A U.S. Travel continua pedindo ao Congresso que aprove uma isenção do limite no ano fiscal 2023 e promulgue uma expansão permanente do programa H-2B.
2. Unindo líderes de destinos para enfrentar obstáculos ao crescimento: uma Mesa Redonda com o CEOs de Destinos de Viagem dos EUA foi realizada para discutir alguns dos maiores desafios enfrentados pelo setor, incluindo boicotes de destinos, segurança e revitalização urbana e desafios contínuos da força de trabalho. Muitas dessas questões representam um novo terreno para os líderes de DMOs abordarem e a U.S. Travel procura ajudar compartilhando práticas e capacitando os líderes a aprenderem uns com os outros.
3. Estabelecendo as viagens em grupo como essenciais: a U.S. Travel’s Meetings Mean Business Coalition (MMBC) se reuniu para discutir prioridades para aumentar as viagens em grupo, oportunidades para melhor divulgar suas opções e planos para 30 de março de 2023, Dia da Indústria de Reuniões Globais (GMID). O tema do próximo ano #MeetingsMatter (“reuniões importam”, em tradução livre), destacará a importância econômica e social das reuniões presenciais com autoridades eleitas e líderes empresariais. A coalizão também aproveitou para agradecer e discutir a estratégia com uma das maiores defensoras das viagens em grupo, a deputada democrata Dina Titus, do estado de Nova York.
4. Compartilhando insights do setor: Quase 30 membros do novo Comitê Consultivo de Pesquisa se reuniram para discutir as últimas condições econômicas, perspectivas e o impacto sobre o setor de viagens de uma recessão cada vez mais provável. O grupo também se concentrou na falta de compreensão do que significa viagens sustentáveis ​​– como definir, medir e rastrear entre consumidores, organizações de viagens e partes interessadas, e a importância de desenvolver métricas comuns.
5. Fornecimento de recursos importantes do setor: atualização do Guia de Assistência Federal. Existem bilhões de dólares ainda disponíveis por meio de programas federais nos Estados Unidos e este guia descreve cada programa, destinatários elegíveis e como as empresas de viagens podem aproveitar esses recursos.

U.S. Travel Association é a organização nacional sem fins lucrativos que representa todos os componentes da indústria de viagens nos Estados Unidos, que gera US$ 2,6 trilhões em negócios e apoia 15,8 milhões de empregos (pré-pandemia). A missão da U.S. Travel é aumentar as viagens para os Estados Unidos.

Sobre a Interamerican Network
Fundada em São Paulo em 1984 e com bases na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia e México, a Interamerican Network é a agência de comunicação líder na América Latina dedicada exclusivamente a clientes da indústria do turismo. Com soluções estratégicas, criativas e integradas em Relações Públicas, Marketing e Digital para destinos turísticos, hotéis e resorts, parques temáticos, centros de compras, companhias aéreas, aeroportos e produtos turísticos em geral, oferece planejamento e atendimento personalizado para cada cliente.
A Interamerican faz parte de alianças globais, sendo o braço da MMGY Global na América do Sul e da APG Airlines no Brasil.