Cancelamento de viagem por Coronavírus

0
Cancelamento de viagem por Coronavírus

Direitos do Consumidor

Direitos do consumidor em cancelamentos de viagens e serviços por conta do Coronavírus

 

Cancelamento de viagem por conta do Coronavírus, é a pauta de destaque com Larissa Claudino Delarissa – sócia do escritório Brasil Salomão e Matthes sobre os direitos dos consumidores.

Com o avanço da pandemia de Coronavírus em todo o mundo, diversos países estão restringindo descolamentos, fechando pontos turísticos e cancelando grandes eventos que criam aglomeração de público. Com isso, muito consumidores acabam sendo obrigados a cancelar viagens e passagens aéreas.

Para Larissa Claudino Delarissa, especialista em Direito do Consumidor, tem sido comum algumas empresas cobrarem multas totalmente desproporcionais em casos de cancelamentos de viagens e serviços. “A cobrança de multa para o cancelamento de um serviço que corresponda, praticamente, ao valor da compra realizada, é considerada uma prática abusiva e vedada pelo art. 51 do Código de Defesa do Consumidor (CDC), que determina a anulação da cláusula contratual que coloque o consumidor em desvantagem exagerada”, destaca a advogada.

No caso do setor aéreo, a advogada ressalta que os órgãos reguladores estão atuando para coibir prejuízos aos consumidores: “no início deste mês, o Ministério Público Federal enviou uma recomendação à ANAC para que expeça um ato normativo assegurando aos consumidores o cancelamento sem ônus de suas passagens, ou, a possibilidade de utilização do bilhete num prazo de 12 meses” ressalta a advogada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.